A campanha “Mestras e Mestres no caminho da chula” tem como ponto de partida o município de São Francisco do Conde (BA) e especificamente duas comunidades que pertencem a esta região do Recôncavo da Bahia: Muribeca e Coroado. Atualmente existem diversos grupos em diferentes lugares da Bahia, não só no Recôncavo, mas também em outras regiões como a Ilha de Itaparica e o sertão. Mestres e Mestras mantém viva a tradição do samba de roda sem pertencer a grupos específicos, o que acaba por vezes os isolando.

Durante este processo de pandemia, no entanto, vários dos nossos(as) Mestres e Mestras se encontraram afetados(as). Este contexto afeta com mais incidência determinadas camadas sociais que pagam as consequências das faltas de sistemas de cuidados e infraestrutura. Sendo a personificação do samba chula um indivíduo negro de mais de 60 anos e do interior do estado da Bahia, podemos deduzir facilmente que nossos e nossas protagonistas fazem parte do alvo desta pandemia, afinal sabemos que não estarmos todos “no mesmo barco”.

Por este motivo o Grupo Samba Chula Poder do Samba de São Francisco do Conde, liderado pelo Mestre Jaime do Eco, resolveu realizar um ciclo de lives pelo Instagram. O “Encontro de Mestres no caminho da Chula” é acompanhado de uma campanha de arrecadação de dinheiro para as Mestras e Mestres participantes deste ciclo.

O objetivo desta campanha procura não só fortalecer economicamente os Mestres e Mestras do samba chula, mas também mostrar para ao mundo quem são nossos(as) protagonistas. Dentro da diversidade de Mestras e Mestres que a campanha pretende abraçar temos a Mestra Nicinha de Santo Amaro, Mestre Manteiguinha da Misericordia – Ilha de Itaparica, Mestra Rita da Barquinha de Bom Jesus do Pobres, Mestre Plinio Roberto de Camaçari, Mestra Joanice de Acupe e Mestre Limãozinho de Santo Amaro.

A campanha tem diversas formas de colaboração, sendo a plataforma “vakinha on line” a principal. Porém existe a possibilidade de realizar transferência para as contas divulgadas. É também oferecido premiações, por meio de um sorteio, para as pessoas que consigam colaborar.

Siga a Campanha nas redes sociais: Instagram; Facebook e saiba como contribuir

Link da Vakinha Online: https://www.vakinha.com.br/vaquinha/campanha-mestras-e-mestres-no-caminho-da-chula