Texto e Imagem: Divulgação

A Festa Literária Internacional de Cachoeira (Flica) chega à 10ª edição celebrando a diversidade e o protagonismo da participação popular na história do Brasil, sobretudo na Literatura. Na busca de fomentar e demarcar as produções literárias, acadêmicas e culturais de mulheres negras, a plataforma Diálogos Insubmissos de Mulheres Negras estará com residência na Flica, com a CASA INSUBMISSA, de 04 a 06 de novembro, na Rua Praça da Aclamação, n°17 Centro, uma ocupação da Casa da Música de Cachoeira. A entrada é Gratuita. 

A casa é um espaço de vivências entre escritoras, artivistas, pesquisadoras, autoras negras, sobretudo com o público local e da feira. Em Cachoeira, a Casa Insubmissa contará com uma programação diversa, com bate papos literários, performances, palestras, lançamentos, distribuição de livros, a sexta edição da competitiva de poesia Slam Insubmisso e a quarta edição do Baile Insubmisso, com shows de Sued Nunes e Dj Nai Kiese. 

A Casa chega à Flica através de uma parceria com a Fundação Cultural do Estado da Bahia (FUNCEB), unidade vinculada à Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (SecultBA). As atividades da programação fazem parte de uma curadoria realizada entre a Coordenação de Literatura da FUNCEB e integrantes da DIMN, com o intuito de apresentar para a comunidade baiana trabalhos de mulheres negras, artistas da palavra, premiadas no Prêmio das Artes Jorge Portugal (Programa Aldir Blanc Bahia) e no concurso do Instituto Sacatar, projetos produzidos pela Fundação no contexto da pandemia, que trazem publicações virtuais e impressas, programas de podcast e produções de audiovisual.  

Casa 

Idealizadora do projeto e diretora CEO da DIMN, Dayse Sacramento, explica que a Casa Insubmissa é uma instalação artística que fomenta uma rede econômica e que promove a participação das mulheres negras em festivais literários. “Além de incentivarmos uma produção com perspectiva de mulheres negras”, reitera.  

A realização na Flica é um ato de insubmissão e resistência de mulheres negras que atuam em todas as esferas do campo literário. Esta é a terceira edição da Casa Insubmissa. Anteriormente, participou da Festa Literária Internacional de Paraty (Flip), em 2018 e 2019. 

Sacramento destaca que a DIMN e a Casa são iniciativas que nascem em Salvador, na Bahia. “Com isso, geopoliticamente, realizar o projeto é também uma forma de oportunizar e questionar sobre a participação de iniciativas intelectuais nordestinas e de fora do eixo sul-sudeste-centro do país”, realça.  

Para Renata Dias, diretora geral da FUNCEB, artistas que se autodeclaram pretos/as e pardos/as apresentam maior dificuldade para publicar e difundir suas obras. “Este foi um dos dados verificados no mais recente Mapa da Palavra – Diagnóstico da Produção Literária da Bahia, iniciativa pioneira no campo da produção literária baiana realizada pela Funceb. Esperamos contribuir com uma programação que amplie o conhecimento e favoreça o debate sobre a formulação das políticas públicas voltadas aos artistas da palavra da Bahia”, diz. 

Slam e Baile Insubmisso 

Como parte dos eventos que marcam a passagem do Novembro Negro e reforçando o espaço de artistas negras e baianas que trabalham de forma independente, o DIMN com patrocínio da Warner Music Brasil realizará o SLAM Insubmisso 2022, sexta edição da competitiva voltada a artistas da palavra baianas, que está com as inscrições abertas e premiações para as três primeiras colocadas – R$ 01mil (I), R$800 (II) e R$500 (III).  

Ao todo, serão convocadas 12 slammers para a competição na Casa Insubmissa. Podem se inscrever mulheres negras a partir de 18 anos, através do Sympla, no link da BIO da Diálogos Insubmissos no Instagram. Todas as fases da competição serão presenciais na Casa Insubmissa e irão ocorrer a partir das 20h30 do dia 05 de novembro de 2022.  

PROGRAMAÇÃO

04/11 – Sexta-feira

13:00 – Abertura da Casa Insubmissa de Mulheres Negras na FLICA 2022

13:30 – Mesa Institucional com Renata Dias (Diretora Geral da FUNCEB) e Dayse Sacramento (CEO do DIMN)

14:00 – Mesa Mulheres Negras no Instituto Sacatar

Sanara Rocha 

Crislane Rosa

19:00 – Experiências editoriais: Uma conversa sobre as mãos pretas que fazem livros

Deisiane Barbosa (Editora da Andarilha Edições)

Luciana Brasil (Produtora)

Maria Mariana (Designer e diagramadora da Editora Diálogos Insubmissos)

Katucha Bento (Professora e Pesquisadora)

Mediação: Joice Faria (Pesquisadora em Literatura)

21:00 – Performance Orô – Sued Hosaná (Cantora e performer)

22:30 – Baile Insubmisso ABRE CAMINHOS – DJ Nai Kiese

* Das 16h às 19h haverá exibição de resultados audiovisuais da LAB – Literatura.

05/11 – Sábado

13:00 – Abertura da Casa Insubmissa de Mulheres Negras na FLICA 2022

15:00 – Mesa Produções Literárias de Mulheres Negras premiadas pelo Prêmio das Artes Jorge Portugal ( Programa Aldir Blanc Bahia)

Má Reputação (Slam Pandemia Poética)

Mônica Santana (Autora do ebook Luto substantivo)

Evelyn Sacramento (Autora do livro Menina Nicinha)

Mediação: Ayala Tude (Tradutora e Pesquisadora)

16:30 – Ofó Obirin Dudu – Lançamento de autoras negras

Evelyn Sacramento (Menina Nicinha)

Janildes Chagas (Felipas Marias)

Nazaré Lima  (Poestrias de Júlia Couto – Em memória)

Amanda Julieta (Dandara)

19:30 – Performance poética: Confissões de uma mulher que queimou uma cidade

Performer: Ayala Tude (Tradutora e Pesquisadora)

20:30 – Slam Insubmisso – Parceria DIMN e Warner Music Brasil

Slammaster: Negafyah

Juradas: Ligia Benigno (Produtora Cultural), Mônica Santana (Atriz, dramaturga e escritora), Ayala Tude (Tradutora e Pesquisadora), Amanda Julieta (Escritora e Pesquisadora) e Samira Soares (Pesquisadora em Literatura).

23:00 – Baile Insubmisso – Show intimista de Sued Nunes + DJ Nai Kiese

* Das 15h às 18h haverá exibição de resultados audiovisuais do Prêmio Jorge Portugal.

06/11 – Domingo

11:00 – Ressaca Insubmissa com Arrastão Punnany – com discotecagem da residente Baile Insubmisso, DJ Nai Kiese, puxado através do trabalho de Ana Dumas com o carro de som e Sista Kátia como Mestra de Cerimônias.

*Distribuição gratuita de livros da FUNCEB e da Editora Diálogos Insubmissos.

15:00 – Encerramento das atividades da Casa Insubmissa de Mulheres Negras 2022