Podem participar jovens a partir de 18 anos, estudante ou recém-formado de cursos técnicos, tecnólogos ou superiores

Texto: Divulgação

Imagem: Vanessa Aragão

Com objetivo de reduzir a desigualdade e promover o desenvolvimento de estudantes, tecnólogos e universitários, a startup sem fins lucrativos, Cais Mentoria, está oferecendo mentoria profissional para jovens do Norte e Nordeste. A ideia é divulgar talentos nas regiões, além de fortalecer as habilidades socioeconômicas para estudantes.

A inscrição está aberta para estudantes e mentores participarem do programa até 15 de dezembro através deste link. Para ser um mentorado, é necessário ter mais de 18 anos, ser estudante ou recém-formado de cursos técnicos, tecnólogos ou superiores e ser oriundo ou estar estudando em um estado do Norte ou Nordeste.

Para quem busca fazer a diferença, o Programa também aceita inscrições para mentores. O profissional precisa ter mais de dois anos de experiência no mercado de trabalho, além de demonstrar habilidades de comunicação e autorreflexão, estando alinhado com os valores da organização; excelência, acolhimento e inclusão.

“Nossos jovens profissionais precisam de apoio de carreira. Países como os Estados Unidos tem orientação de carreira disponível no ensino público e privado desde o ensino médio até o ensino superior. Tenho total confiança que esse modelo é necessário e urgente para maximizar as oportunidades da juventude do Norte e Nordeste e do Brasil”, explica a brasileira Klicia Wilson, CEO e fundadora do programa