O motivo da abordagem foi perturbação sonora, o jovem resistiu à prisão e foi alvejado

Da Redação

A  polícia militar da cidade de Vera, Mato Grosso, matou a tiros um jovem de 26 anos, durante uma abordagem, no último domingo (05). O jovem Diego Kaliniski foi baleado após resistir a ordem de prisão da polícia.

Segundo a PM,  a guarnição atendia uma ocorrência de poluição sonora em um veículo. Os  agentes teriam pedido os documentos do veículo ao jovem que negou e recebeu voz de prisão por desacato. 

Pessoas que passavam pelo local filmaram a ação da polícia. Na gravação Diego aparece sendo puxado pela gola da camisa para fora veículo e em seguida é jogado no chão. A vítima reage a abordagem e briga com os policiais, que respondem com tiros. Diego não  resistiu e  morreu no local. 

Os policiais envolvidos na morte de Diego foram afastados dos cargos,  de acordo com a polícia uma investigação foi aberta para averiguação do caso.   Jéssica Vasconcelos, prima da vítima, desabafou no portal G1:

“A polícia tinha meios não letais para imobilizar. Eles escolheram assassinar meu primo, ele foi executado a sangue frio”, falou Jéssica.

O sepultamento do jovem aconteceu nesta segunda-feira(06) no Cemitério Municipal da cidade.