Liana Matias denunciou que foi impedida de deixar o supermercado, relatou ter sido agredida, ela apresentou a nota fiscal  e mesmo assim os funcionários alegaram que a viram furtando o produto

Por Patrícia Rosa

Imagem: Google Reprodução

Uma mulher negra, de 37 anos, foi acusada de roubo após comprar uma escova de dente. Ela foi impedida de sair do supermercado Center Box, em Fortaleza (CE). O caso aconteceu na última quinta-feira (31). A professora e atriz Liana Matias, denunciou a abordagem racista nas redes sociais em um vídeo, onde ela aparece cercada por funcionários do estabelecimento. Mesmo apresentando a nota fiscal ela é acusada de colocar o produto dentro da bolsa.

Na gravação o funcionário alega que não viu a mulher registrando o produto. A vítima entra no supermercado e exige ver as filmagens, pede para falar com o gerente da loja. Um dos funcionários da loja tenta impedir que a mulher registre o vídeo.

Um boletim de ocorrência foi registrado e o caso está sendo investigado pela Polícia Civil. A rede de supermercados se pronunciou por nota padrão, alegando que não compactua com qualquer tipo de demonstração de preconceito ou discriminação e que está apurando as denúncias.

Na sua rede social, Liana fala que está sob acompanhamento de uma psicóloga e assistente social e que providências judiciais serão tomadas: “Na segunda(04), já vou me reunir com as pessoas que vão me instruir como proceder criminalmente,  civilmente contra o Center-box. Eu estou um pouco mal, porque não consigo dormir desde quinta-feira, toda vez que fecho os olhos eu vejo a imagem daquele homem vindo pra cima de mim,  mas estou atenta, isso não vai ficar assim.”