O objetivo do projeto é dar aos cursistas  a oportunidade de adquirir conhecimento sobre o sistema da ONU

Por Patrícia Rosa

Imagem: Divulgação

O  Indigenous Fellowship Program (IFP) está com inscrições abertas até o dia 7 de abril para o  programa de bolsas que tem como foco indígenas e quilombolas de língua portuguesa. O objetivo  do treinamento é promover o conhecimento dos Povos Indígenas e Quilombolas sobre os principais mecanismos existentes de direitos humanos da Organização das Nações Unidas (ONU).  

A formação tem a duração de sete semanas. A primeira etapa ocorre em Brasília(DF) e a segunda acontece com um treinamento prático no Escritório do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos, na cidade de Genebra, na Suíça. O programa é realizado em inglês, francês, russo e espanhol. Este ano o edital atenderá os povos indígenas e quilombolas de língua portuguesa.

Os candidatos devem  realizar as inscrições através do preenchimento do formulário de inscrição online ou encaminhar um e-mail para joanderson.gomesdealmeida@un.org, com os seguintes documentos:   Formulário de inscrição preenchido, digitalizado e assinado, uma carta de motivação contendo  até 500 palavras, carta de recomendação da organização ou comunidade indigena ou quilombola, uma cópia do passaporte do candidato ou outro documento de identificação com foto. Os pré-selecionados serão notificados por e-mail.

O Programa de Bolsas para Indígenas (Indigenous Fellowship Programme) foi lançado no ano de 1997 pelo Escritório do Alto Comissariado para os Direitos Humanos (OHCHR) no contexto da primeira Década Internacional dos Povos Indígenas do Mundo.