Judoca é baleados pelas costas por policiais militares em Jequié (BA)

Keven Souza foi  na coxa e na região da bacia. A Polícia Civil iniciou uma investigação sobre a ação da PM 

Keven Souza foi  na coxa e na região da bacia. A Polícia Civil iniciou uma investigação sobre a ação da PM 

Por Karla Souza

Imagem: Reprodução

O judoca Keven Luan dos Santos Souza, de 24 anos, foi baleado por policiais militares na tarde da última terça-feira (09), no bairro de Jequiézinho, em Jequié (BA). Atingido na coxa e na região da bacia, o jovem atleta foi posteriormente socorrido e submetido a uma cirurgia no hospital Prado Valadares. Atualmente, seu quadro de saúde é estável.

A TV Sudoeste, afiliada da TV Bahia na região, apurou que os jovens teriam sido abordados pela PM, e teriam levantado as mãos para indicar que estavam desarmados.

Conforme versão apresentada pela Polícia Militar, Keven estava na garupa de uma motocicleta quando policiais deram início a uma perseguição pelas ruas da cidade. A situação se desdobrou em um confronto armado. Ainda segundo a PM, a perseguição teve início após o condutor da motocicleta desobedecer a uma ordem de parada dada pelos policiais durante a abordagem. Como de praxe, a PM alega que houve disparos por parte da dupla, levando os policiais a revidarem.

Keven Luan dos Santos Souza é um atleta do Projeto Judô Ação e monitor do esporte em uma escola local. Representando a cidade de Jequié e o estado da Bahia em diversos campeonatos brasileiros e nacionais. Ele foi o melhor atleta do ano de 2023 do estado e ficou em primeiro lugar no ranking estadual na categoria sênior (abaixo de 100 kg).

O Projeto Judô Ação, em nota oficial, expressou seu apoio ao judoca, descrevendo-o como um talento que tem representado dignamente a cidade e o estado em competições de relevância nacional. O atleta, patrocinado pelo Governo do Estado, agora recebe convites para integrar outros clubes do Brasil.

A Polícia Civil registrou o caso, que agora está sob investigação para esclarecer as circunstâncias da ação. 

Compartilhar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *